Dia Nacional de Combate à Obesidade é celebrado no próximo dia 11, mas Brasil apresenta número assustador de sobrepeso

65
Closeup of obese elderly woman

 Sobrepeso atinge 54% dos brasileiros e obesidade 18,9%: Clínica LEV, em Uberlândia, realiza caminhada para mudar esta realidade

 

Próximo a comemorar o Dia Mundial de Combate à Obesidade, celebrado no dia 11 de outubro, dados da Pesquisa de Vigilância de Fatores de Risco e Proteção de Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico (Vigitel) sobre a obesidade têm assustado profissionais da saúde. Atualmente, a obesidade atinge 18,9% dos brasileiros. Já o sobrepeso atinge mais da metade da população (54%).

Para nutricionista da Clínica LEV, em Uberlândia, Aline Cunha Carvalho, esse aumento da prevalência da obesidade é decorrente de hábitos de vida não saudáveis que incluem um alto consumo de alimentos industrializados, ricos em gordura e açúcares, além do sedentarismo. “Além disso, é importante lembrarmos que a obesidade é um fator de risco para desenvolvimento de outras doenças como hipertensão, diabetes, doenças cardiovasculares e câncer. Dessa forma, uma dica importante é mudança de estilo de vida. Programe seu dia e assim será possível ter uma vida saudável incluindo a prática de exercício físico e uma alimentação saudável, mesmo com as outras atividades de trabalho ao longo do dia” explica Aline.

Outro número alarmante é o aumento da prevalência do excesso de peso em crianças e adolescentes, sendo que cerca de 15% estão acima do peso ideal. “Esse dado reforça a importância de hábitos saudáveis desde a infância, pois esse é o momento da formação dos hábitos e, em especial, o paladar. Sendo assim, os pais representam um papel importante, sendo muitas vezes as crianças um reflexo dos hábitos de seus pais.”, esclarece Aline.

 

Notícia boa

Apesar do resultado alarmante, a pesquisa revelou um dado satisfatório. A prática de atividade física aumentou 24%, no período de 2009 a 2017. Já o consumo de refrigerantes e bebidas açucaradas, entre 2007 e 2017, teve uma queda de 52,8% de consumo. Além disso, a inclusão de frutas e hortaliças no cardápio habitual também teve um acréscimo de 5% entre 2008 e 2017.  “Isso mostra que as pessoas estão se conscientizando sobre a importância da mudança de hábitos”, ressalta Aline.

 

Benefícios da caminhada

A caminhada é um dos exercícios mais democráticas que existem, pelo fato de que é indicado para qualquer idade, conforme orientação médica, podendo ser realizado na rua do seu bairro ou em parques. “Essa prática, além de auxiliar no emagrecimento e manter a saúde do corpo, é ótima para a ansiedade e o estresse”, revela Aline.

A caminhada, quando realizada por cerca de 30 minutos diariamente e combinado com uma alimentação saudável e pouco calórica, pode trazer diversos benefícios para a saúde e o corpo, como:

  • Redução do inchaço nas pernas e tornozelos;
  • Perda de peso
  • Melhora da circulação sanguínea;
  • Relaxamento dos músculos
  • Prevenção de complicações cardiovasculares, como infartos e hipertensão.

 

Caminhada Clínica LEV – 5ª Caminhada de Combate à Obesidade

A Clínica LEV, em Uberlândia, tradicional no Triângulo Mineiro por realizar cirurgia bariátrica endoscópica e pela luta constante contra o sobrepeso e obesidade, todo ano, se reúne para uma caminhada de conscientização em alusão ao Dia Nacional de Combate à Obesidade, celebrado no dia 11 de outubro.

Este ano, a caminhada será realizada no dia 6 de outubro (sábado), às 8h, no Parque do Sabiá (Entrada do Bairro Tibery). O objetivo é reunir o maior número de pessoas caminhando juntas por está causa e alertar os participantes sobre os riscos que a obesidade pode causar, além de os benefícios da atividade física e de uma alimentação saudável para uma melhor qualidade de vida.

A participação na caminhada é gratuita e contará com a presença de um personal para um aquecimento antes da corrida e orientação aos que não têm o hábito de se exercitar. Além disso, a Clínica LEV está preparando um café da manhã saudável, com diversas frutas, que será servido antes da caminhada.

 

 

 

You might also like More from author

Comments are closed.