Em Sociedade

1.391

Para refletir

“ … Se vim ao mundo, foi só para desflorar florestas virgens e desenhar meus próprios pés na areia inexplorada! O mais que faço não vale nada…”

José Régio – poeta português

Jornalistas

Começo a coluna de hoje dedicando-a aos colegas da comunicação. Deixo os meus sinceros votos de sucesso àqueles que fazem do seu ofício, verdadeiramente, um ato de coragem e de criatividade. Hoje, Dia do Jornalista, deixo aqui registrada a minha afetuosa gratidão pelo acolhimento que tive no meio. Sou apenas uma colunista social. Não sou jornalista. Mas, com eles, ou pelo menos alguns deles, aprendi – e continuo aprendendo – diariamente sobre ética e responsabilidade. A estes que admiro um grande abraço! Em especial, sem subestimar os demais, a Carlos Guimarães Coelho, Jorge Alexandre Araújo, Adreana Oliveira e a minha amiga Analu Guimarães.

BH-Brasil

E já estamos na porta de entrada de um dos eventos mais importantes da moda brasileira. Nesta terça começa a 24ª edição do Minas, que prossegue até sexta, dia 12. É quando a capital mineira, Belo Horizonte, torna-se também a capital brasileira da moda. O eventom mais uma vez, será no Centro de Convenções Expominas, reunindo em um só lugar expositores e lojistas dos segmentos de vestuário, calçados, bolsas, joias e bijuterias. Por isso, o Minas Trend é hoje o principal Salão de Negócios da indústria da moda. Várias estilistas e empresários uberlandenses do setor marcarão presença no evento.

Na telinha

O arquiteto Roberto Reis volta ao ar no fim do próximo mês com uma série de 16 programas com arquitetos e designers de Uberlândia e região. Reis prepara festa de lançamento do evento para seletos convidados. A ele desejo que tenha grandes inspirações na condução do programa uma boa audiência na cidade e em todo o Triângulo Mineiro.

Festão

A cidade em polvorosa com a celebração do cinquentenário do empresário Rodrigo Magalhães, no próximo sábado com toda pompa e circunstância. O aniversariante não está economizando esforços para promover uma comemoração inesquecível de sua idade nova. Ele aproveita o momento para oficializar a inauguração de seu Salão Imperial na casa de eventos de sua propriedade, o Palácio de Cristal. Disseram-me que a festa terá a duração de 10 horas e inúmeras surpresas aos convivas no decorrer da noite. Para os homens, o smoking é traje obrigatório. Para as mulheres, recomenda-se acompanhar o mesmo glamour, com vestidos longos em tecidos nobres.

Eu e a moda

Fiquei muito lisonjeada pelo convite para ser mediadora no Talk Show sobre moda, promovido pela Schulz e que será produzido essa semana. Entre as convidadas para o debate está Raíssa Garcia, da marca Alexandrino. Espero corresponder às expectativas e que seja um momento muito frutífero para o setor.

Compartilhando

A cerimonialista Joyce Steves, profissional que sempre está presente na minha Feijoada, vai compartilhar seu conhecimento e experiência nos próximos dias 9 e 10 de abril no curso completo de cerimonial e produção de festas infantis. A ideia é levar aos participantes a oportunidade de conhecer uma nova profissão ou aprimorar as habilidades de quem já está na área para que possam atuar de forma mais eficiente neste mercado de festas que não para de crescer. O curso acontece na CDL Uberlândia. Mais informações: (34) 99895-7401 / 98422-4984. Parabéns Joyce pelo seu empreendedorismo de estar sempre buscando inovações e agora compartilhando seu conhecimento.

Em Sampa

Danillo Camargos passa temporada em São Paulo com muitos afazeres. Eles está, por exemplo, remodelando o prédio do Nohda, sede do grupo Patricia Bonaldi, na Oscar Freire, área nobre do Jardins, na capital paulistana. Neste prédio a partir de depois de amanhã, terça, dia 9, a estilista e sua equipe passam a receber somente lojistas do Brasil e dos países para os quais ela exporta para apresentar a sua coleção verão 2020. É Danilo também quem assinará a cenografia do desfile da PatBo para o SPFW – São Paulo Fashion Week -, que será realizado em um jardim de um casarão histórico da Família Prado, de arquitetura de Ramos de Azevedo, o mesmo que fez o Teatro Municipal de São Paulo e a Pinacoteca do Estado.

Preparativos

Um passarinho verde me contou que o casamento da influencer Thássia Naves não somente será um dos mais concorridos eventos sociais dos próximos tempos como já existe toda uma extensa agenda “pré-weedding”. Ela, por exemplo, terá viagem com as melhores amigas para fazer a despedida de solteira. Além disso, sua madrinha Maria Paula oferecerá o tradicional “chá de panela”. E as madrinhas e amigas oferecerão o “chá de lingerie”. E também haverá uma celebração com casamento civil. Todo esse planejamento é o que surgiu até o momento. Mas, outras criativas ideias ainda podem expandir a programação. Vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos.

Aprendendo a gentileza

A telefonia móvel está servindo, sobretudo, para mostrar às pessoas o que é a boa educação. E também para revelar aqueles que não nasceram para serem gentis. Convenhamos, todo interlocutor merece respeito. Não atender às chamadas é um direito de todos. Mas, é elegante que uma mensagem seja enviada ou que a ligação seja retornada depois. Nunca se sabe se é uma emergência. E pode, inclusive, ser uma boa surpresa. O importante é não ser desrespeitoso com as pessoas. E lembrar que existe etiqueta também para o comportamento em telefonia. Não segui-las pode revelar uma faceta desagradável da pessoa.

Tô dentro

Quem se cala diante da intriga sobre terceiros. Ou, conhecendo os fatos, procura esclarecê-la, lembrando sempre que toda história tem dois lados e apenas um deles é verdadeiro. Vale observar bem o real interesse do “intrigueiro” em promover calúnias.

Tô fora

Desorganização no atendimento ao consumidor. Todo estabelecimento deve estar preparado para recebê-lo, independente de ter ou não agendado a visita. Ele está ali pagando por um produto ou serviço. O mínimo que se espera é cordialidade e profissionalismo.

Pimenta refresco

Tem gente que choraminga sem pestanejar. E a lamentação vem de forma tão repetitiva que a repetição já dá o tom da falta de sinceridade no discurso, geralmente um discurso tão incabível que a pessoa, achando que está falando para o outro, nem percebe que está falando de si própria. Imaturidade, seja no âmbito pessoal ou profissional, realmente é uma forma de suicídio social. Cada vez mais constato isso. Sem mais para o momento. Os fatos (e algumas pessoas) falam por si.

You might also like More from author

Comments are closed.