Em Sociedade

270

Amores virtuais

Há pessoas criativas, que conseguem driblar as crises com um pé nas costas. É o caso do cantor Edson Denizard e de sua esposa, a psicóloga Andrea Montes. O casal está fazendo grande sucesso com mensagens virtuais. Andrea dá o tom poético com texto personalizado para que se destina a mensagem. E Edson emplaca ou uma duas músicas, como o excelente intérprete que é. Ficou bem bacana a mensagem que os dois enviaram para o amigo desde os tempos de adolescência, o jornalista Carlos Guimarães Coelho, que aniversariou na quarta, 27. Presentaço! Fica aí uma boa dica para o Dia dos Namorados, que está próximo.

Festão adiado

Uma expressiva figura da sociedade uberlandense tinha, para os próximos dias, festão agendado para celebrar o seu aniversário, com tudo já contratado: cantora famosa, DJ mais famosos ainda, lista de convidados super seleta, mesmo sendo bastante numerosa. Com a pandemia, tudo foi adiado, muito provavelmente para o fim do ano. Mas, a aniversariante deve comemar a data em “petit comitè” e com todos os cuidados necessários, em sua chácara, nos arredores da cidade.

Fotografia

O fotógrafo Pedro Fonseca reuniu mais de 200 imagens de suas andanças pelo mundo e está deixando em polvorosa arquitetos e decoradores com o primor de seus registros. Fica a dica pra quem está aproveitando estes tempos de pandemia e redecorando suas casas. O site das imagens tem o nome do fotógrafo.

Design de interiores

Falando em decorações, neste 30 de maio foi celebrado o Dia do Decorador. Não vivo sem eles. Amo esse ofício. Acho lindo como as pessoas se inspiram para transformar ambientes. E como se tornam até meio psicólogos para atingir às expectativas de seus clientes. Desejo sempre mais e melhores ideias a estes profissionais criativos, que merecem nossos aplausos.Parabenizo aqui em nome de todos , a minha decoradora e amiga pessoal , Claudia Schiavinato, que carrega esse título com muito talento e criatividade .

Visuais

Jocimar, Assis Guimarães, Ropre, Darli de Oliveira, Elaine Corsi, Beth Nasser , Alexandre França, Hélio de Lima, Charles Chaim, George Thomaz, Paulo Buenoz, Aloísio Diniz, Raphael Caram, Luiz Eduardo Borda, Tatiana Ferraz, Renato Palumbo, Lucimar Bello, Callison, Dequete, Rosemario, Cíntia Guimarães, Afonso Lana, Paulo Carrara, Patrícia Fragas, Rogério Botelho, Uesley Almeida Pacheco, Vânia Vilela, Eliete Vilela, Marlúcio Ferreira, Dyego, Roberto Chacur, Beto Oliveira, Paulo Augusto e Francisco Júnior são alguns dos nomes que doaram obras para o movimento Cultura Luta. As peças serão comercializadas em um grande evento virtual que acontecerá nos próximos dias. Todo o recurso arrecadado será em prol dos trabalhadores da cultura em Uberlândia, que foram os primeiros a parar suas atividades nestes tempos de pandemia e deverão ser os últimos a retornarem. Bonita essa rede de solidariedade e de afetos. Parabéns à iniciativa do grupo Cultura Luta. Na torcida por excelentes resultados.

Restaurantes

Falando em Cultura Luta, quem consumir refeições nos restaurantes Terra Brasilis e Karaíba estarão contribuindo com esse movimento. Parte da renda obtida com o consumo será revertida para o grupo, que, posteriormente, reverterá aos trabalhadores da cultura em Uberlândia. Parabéns por essa rede de solidariedade.

Live beneficente

Erick Lins e Dj’s Rapa Sound promoverão quinta, 4/6, uma live solidária, com todas as doações destinadas à Casa de Misericórdia e famílias dos trabalhadores de eventos em Uberlândia, que estão passando por momentos difíceis durante essa pandemia.

Saúde bucal

E nesta quarta, 3, para os profissionais e estudantes de Odontologia, o Centro Universitário do Triângulo – UNITRI prepara uma LIVE especial,. Os professores Roberto Pessoa e Eduardo Tadashi, das áreas de implantodontia e periodontia, irão falar sobre as perspectivas da implantodontia moderna com suas novas técnicas, protocolos e materiais na página oficial da Unitri no Instragram (@unitriasoec). Será a partir das 18h, com uma hora de duração.

Maternidade

a consultora Paula Gouveia, foi bem além da tecnologia e fortaleceu uma rede de apoio para mulheres e gestantes, promovendo e oferecendo eventos online (lives) com o acolhimento e compartilhamento de saberes em toda a Jornada da Maternidade nas fases PREPARAR – GERAR – NUTRIR – CUIDAR. Uma das iniciativas foi o projeto “LIVES COM AMOR DE MÃE”, que durante o mês de maio reuniu suas seguidoras e famílias, com o objetivo de exercitar o acolhimento à jornada da maternidade.

Tô dentro

Cuidado com o outro. Bonito de ver em meio à pandemia, algumas pessoas tendo cuidado com os amigos e com a família, levando as crianças para dar um alô de longe para os avós ou passando para cumprimentar os amigos, também com distanciamento. O afeto nunca morre!

Tô fora

Falta de educação de lixos não reciclados e jogados de qualquer jeito nas lixeiras, muitas vezes enchendo-as tanto que eles esparramam pelo chão. Isso é de uma grosseria indescritível.

Pimenta refresco

Enquanto a pandemia acende em alguns a reflexão sobre a forma com que cada um está se relacionando com o mundo e com os seus habitantes – incluam-se aí pessoas, animais, árvores, objetos, etc. – outros insistem em se manterem na bolha do egoísmo. Com julgamentos e olhares preconceituosos. A estes resta a sina de não evoluírem. Se o momento, no planeta inteiro, pede que as pessoas revejam seus atos e passem a ter um olhar mais coletivo para todo o mundo, pobre daquele que vai na contramão dessa tendência e continua a olhar para o próprio umbigo. Digo isso por saber de pessoas que estão se superando na “arte” de ser dono da verdade. De quebra, mostram-se pouco solidários e criticam quaisquer ações de pessoas que hoje trabalham pensando na coletividade. Pessoas que agem sozinhas, de modo isolado, que se recusam a somar e preferem maquiar suas ações como sendo solidárias quando na verdade buscam mesmo é a promoção pessoal em cima do tenebroso cenário. Muito feio querer fazer marketing com a tragédia, mesmo mascarando-a de boa ação.

You might also like More from author

Comments are closed.