Em Sociedade

364

Aplausos

A sempre simpática Fátima Dalpiaz, chamada carinhosamente por Fatinha, poderia ficar em sua zona de conforto e continuar como sempre, atuante em vários segmentos. Mas, preferiu reciclar conhecimentos acerca do que já conhecia em práticas profissionais e adquirir mais referências teóricas no banco de uma faculdade. Orgulhosamente, ela graduou-se em Arquitetura e Urbanismo. Parabéns pela conquista e votos de cada vez mais e melhores sucessos!

Florais

Um tempo atrás divulguei um projeto muito bacana da florista Luiza Fiorito, no qual ela “abandonava” arranjos florais pela cidade com mensagens poéticas para ilustres desconhecidos. Luiza agora está diariamente na telinha da Band, no quadro Casa com Plantas, onde dá dicas sobre decoração, mesa posta, arranjos, flores, plantas e muito mais do universo florido. Parabéns pelo espaço e que grandes inspirações te guiem nessa jornada.

Recorte

O Uberlândia Shopping recebe a exposição Recortes, do artista visual Dequete, um dos mais expressivos graffiteiros da cidade. Para quem não sabe, o seu nome artístico vem de The Cat, pois sua história passada, antes de tornar-se artista, remonta a sobrevivências de situações difíceis, fazendo as pessoas comentarem que ele tinha sete vidas. Sua redenção veio pela arte, na capital mineira, e, posteriormente, tornando-se uma das principais personagens das artes visuais em Uberlândia.

Falta de senso

Incrível como parece que a ficha não cai para uma parcela da população. A prefeitura baixa medidas de restrição para conter o coronavírus e as pessoas abrem o risco por outras brechas. As academias, por exemplo, fechando às 18h ficam lotadíssimas no horário de almoço. Faz sentido isso?

Alfinetada

Atenção, oportunistas de plantão: furar a fila da vacina agora é crime. Pode render até três anos de reclusão. Nem precisava disso, mas no país do famoso “jeitinho”, tem de pegar pesado.

Tô fora

Gente que só pensa em si mesma, que tira conclusões precipitadas sem pensar coletivamente. Uma autocrítica de vez em quando é saudável. E ter personalidade para não advogar somente em causa própria também.

Tô dentro

Gentileza no trânsito. Nada salva mais o dia do que perceber que, por mais raras que sejam, ainda existem pessoas educadas e respeitosas nas vias públicas.

Pimenta Refresco

Tenho comigo que todos nós, no Brasil inteiro e no mundo, estamos nessa vida para evoluir. E acredito mesmo que só partimos da vida terrena quando evoluímos pelo menos um pouquinho , o que não acontece com todos. Mas, enfim, esse preâmbulo é apenas pra dizer que existem muitas pessoas que viram as costas à própria evolução. Há pessoas que resolvem seus problemas apenas distanciando deles. Criam conflitos desnecessários com as pessoas e, em vez de resolvê-los, simplesmente se afastam delas. Se indispõem com gente ou com lugares e fogem disso na primeira oportunidade. Julgam pessoas e ficam indiferentes a elas, mesmo sabendo que tais julgamentos têm consequências. Atrapalham a vida de terceiros com tais julgamentos, com com fofocas sem procedência e agem como se fossem puras e errados são os outros. O pior de tudo é não saberem que estão freando a própria evolução, a cada fuga, a cada intriga, a cada maldade, a cada desprezo, a cada dissimulação. E, infelizmente, não estou falando de pouca gente. Talvez até seja mesmo a maioria. E é por isso que o país e até mesmo o planeta poderia estar em outra posição na linha evolutiva. Só não avança mais por que as pessoas, cada vez mais egoístas, freiam com o narcisismo a própria evolução. Pronto, falei! E que não pensem que foi para uma(s) pessoa(s) específica(s). A carapuça, certamente, vai servir pra muita gente!

You might also like More from author

Comments are closed.