Mercado de beleza cresce com tendência em micropigmentação

19

micropgmentacao-1582867-1O Brasil é o quarto colocado no mercado global da beleza, atrás apenas de Estados Unidos, China e Japão. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o setor responde por 1,8% do PIB nacional. Esse dado revela que a vaidade feminina e masculina se sobrepõe à crise. Para ter ideia da veracidade deste número, segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec) o mercado movimenta mais de R$ 38 bilhões por ano no país.

A paixão pela área de beleza, a percepção de crescimento pela procura de alguns serviços que já ofereciam, aliada ao sonho de empreender, motivaram as empresárias Marcielen Cristine e Vanessa Lima a abrirem a Sempre Linda, um espaço especializado em micropigmentação de sobrancelha, olhos e lábio, localizada na rua Paraúna, 51, no bairro Saraiva, em Uberlândia. O espaço também oferece uma gama de outros serviços como design de sobrancelha, depilação com cera, egípcia e laser, tratamento faciais e, em breve, aplicará uma técnica para camuflar as estrias. “Resolvemos unir nossas forças uma vez que percebemos o crescimento da procura por estes serviços nos últimos anos. Com o espaço, temos intenção de formar novos profissionais e assim podermos atender esta demanda crescente”, explica uma das sócias empreendedoras, Vanessa Lima.

Micropigmentação tem alta procura

O conceito e técnica da Sempre Linda é sempre realçar a beleza das mulheres, por isso, o procedimento de micropigmentação é dividido em três etapas. O primeiro passo é a realização de um estudo breve sobre o rosto, tipo de pele, colorimetria ou estudo das cores naturais de pelos, preferências do cliente e análise técnica para aplicação do procedimento. O objetivo, segundo Marcielen Cristine, é identificar a melhor aplicação possível para a garantir a satisfação do cliente. “É realizado neste passo o desenho da aplicação que possibilita uma perspectiva mais realística de como ficará após a realização do procedimento. Caso o cliente esteja de acordo, o segundo passo é a realização da micropigmentação”, esclarece.

A duração do processo é estabelecida de acordo com a região (olhos, lábios, sobrancelha e estrias) em que será feito o processo estético e pode levar de 90 a 120 minutos.

O último estágio é o check list da aplicação e a orientação para o pós-procedimento. “Os clientes que seguem as orientações têm um resultado muito melhor e mais duradouro já que o uso de outros produtos químicos, água quente, por exemplo, pode influenciar o processo de cicatrização e de fixação da micropigmentação”, explica a Vanessa Lima.

“No decorrer da vida, muitas pessoas que abusaram do uso das pinças e da depilação com linha, ou que têm hipotireoidismo, ou ainda passaram por tratamentos quimioterápicos perderam os pelos, e até aquelas que têm falhas na sobrancelha ou cicatriz viram nessa técnica a recuperação da autoestima. Mas, vale ressaltar que pessoas que têm diabetes, anemia, alteração hormonal, tendência a queloides precisam procurar um médico especialista antes do procedimento”, orienta Marcielen Cristine.

Cuidados na hora de escolher o serviço

Para profissionais do ramo de estética, a micropigmentação conquistou mercado, mas é preciso tomar alguns cuidados antes de escolher o lugar. “Tudo precisa ser levado muito a sério. A sobrancelha é a moldura do rosto, qualquer deslize pode ser desastroso. E os erros podem ocorrer em diversas formas de procedimentos estéticos. Muitas pessoas gastam muito dinheiro e ficam frustradas com o resultado. Por isso, é preciso procurar esteticistas capacitados e habilitados, saber quem fez e gostou do resultado”, enfatiza Marcielen Cristine.

Os principais erros cometidos são cruzar fios no procedimento de micropigmentação de sobrancelha fio a fio, micropigmentar a sobrancelha deixando-a grossa ou fina demais, não considerar a mesma altura em ambos os lados, escolher o tom da cor incoerente com a cor da pele e do cabelo, fixação mal feita, deixar fios muito retos, entre outros.

 

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.