Pimenta Refresco 

85

Mudar o combinado é algo muito feio. Soube recentemente de um acordo profissional em que uma das partes, diante dos resultados muito aquém do previsto, resolveu “renegociar” com a outra parte, transferindo para ela parte de seu prejuízo. A pessoa que recebeu a proposta ficou estarrecida. O contrato era verbal e a mudança poderia ser feita, assim como parcialmente aconteceu, por causa da elegância da parte mais prejudicada. Mas não seria essa uma atitude muito sem ética? Rever algo que já havia sido acordado para amenizar a sua perda sem se preocupar minimamente com o seu parceiro. O problema da atualidade é que as pessoas estão muito egoístas e preocupam-se apenas consigo mesmas. Parceria se tornou algo muito unilateral, o que já derruba o sentido da palavra. E esse caráter egoísta não é referente apenas a negócios, mas até a convivência entre amigos e até mesmo, em alguns casos, entre familiares parece pautada pelo espelho. Cada um vê a si mesmo. E se perde. E perde afetos. Perde vínculos importantes. O destino disso? Provavelmente a solidão. Pensa que está plantando conquistas, mas colherá frutos amargos no futuro. E ainda será capaz de perguntar oporquê.

You might also like More from author

Comments are closed.