Sinduscon-Tap discute implantação do ‘Alvará da Hora’ e elaboração de pesquisa de mercado imobiliário

45

 

16359096_1251900284889545_11419367_nDois assuntos relevantes para a cidade de Uberlândia foram discutidos nesta quinta-feira (26), durante um almoço com diretores do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Triângulo Mineiro e Alto Paranaíba (Sinduscon-TAP). Um deles foi a respeito do Alvará da Hora, o outro sobre a importância de traçar um perfil imobiliário em Uberlândia.

Além do presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil no Estado de Minas Gerais (Sinduscon-MG), André de Sousa Lima Campos e da executiva do Sinduscon-MG, Branca Macahubas Cheib, ex-secretária de Belo Horizonte na área de Planejamento Urbano, também marcaram presença o deputado estadual Felipe Attiê e o sócio dirigente da Bureau de Inteligência Corporativa (Brain), Fábio Tadeu Araújo.

A executiva do Sinduscon-MG, Branca Macahubas Cheib explicou que o Alvará da Hora  amplia e moderniza o conceito de licenciamento de edificações por tornar mais ágil a emissão do alvará de construção, além de incrementar a atividade de construção civil. “O Alvará da Hora é desenvolvido em parceria com mercado. É uma mudança cultural técnica da Prefeitura, junto aos servidores. Seu objetivo é acabar com o licenciamento. É o início da etapa de acompanhamento e monitoramento de obra. Em qualquer cidade acontece clandestinidade no território, haja vista que a emissão da licença ainda é um processo longo e burocrático, paralisando a obra até que o documento seja fornecido”, disse.

O presidente do Sinduscon-MG, André de Sousa Lima Campos acrescentou que a intenção é que o alvará chegue 100% para os projetos em caixa. “Isso ainda não acontece porque nem todo mundo conhece esse projeto e tem empreendimento de impacto, mas está crescendo bastante”, esclarece.

Para o deputado estadual, Felipe Attiê, o objetivo do programa é facilitar a obtenção de alvarás de construção. “O prefeito Odelmo está buscando a melhora da gestão administrativa. O projeto Alvará da Hora foi apresentado aos servidores da Secretaria de Planejamento Urbano e ajudará a liberar mais rápido as construções em nossa cidade, melhorando o atendimento da Secretaria de Planejamento Urbano”, afirmou Felipe Attiê.

Perfil Imobiliário

Outro assunto em pauta foi apresentado pelo sócio dirigente da Bureau de Inteligência Corporativa (Brain), Fábio Tadeu Araújo. Ele ressaltou a importância de se ter uma consultoria e assessoria em inteligência estratégica, desenvolvendo produtos de valor, como pesquisa qualitativa e quantitativa e hábitos de consumo no setor imobiliário. “É importante traçar o retrato do cenário da indústria da construção civil para futuras tomadas de decisões e melhores resultados comerciais”.

Ele explicou que com o perfil imobiliário é possível fazer uma análise da oferta de imóveis residenciais verticais e da oferta de apartamentos residenciais novos, uma análise da produção imobiliária, dados sociodemográficos e de mercado sobre os lançamentos, um estudo sobre o perfil do comprador de imóveis, entre outras informações.

“Sem dúvida, o Alvará da Hora é um marco, pois o processo permite mais segurança nos negócios. Já em relação a pesquisa de perfil imobiliário, o Sinduscon-TAP estuda a possibilidade de contratação da Brain para traçar o perfil imobiliário em Uberlândia, pois esses dados são de extrema importância para o mercado”, afirma o presidente do Sinduscon-Tap, Pedro Spina.

 

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.