Últimos dias do Comida di Buteco: bares estão animados com a reta final



bar-do-so-creysson_porpeta-do-so-creysson_udi_2017_beto-oliveiraBotequeiros têm até o dia 7 de maio para votar no prato favorito

Já experimentou os petiscos que estão concorrendo ao Comida di Buteco 2017 em Uberlândia e votou no seu favorito? Ainda não? Então corre! Porque a competição acaba dia 7 de maio e você pode ajudar a escolher o melhor boteco de Uberlândia. O voto do público vale 50% do peso total e dos jurados os outros 50%.

E os pratos concorrentes que disputam o prêmio têm sido os mais procurados nos botecos participantes do concurso. A criatividade da receita e até do nome do aperitivo chamam a atenção dos botequeiros de Uberlândia. E a expectativa para esses últimos dias de competição é de ainda mais demanda. Os bares concorrentes de primeira viagem no Comida di Buteco estão animados.

É o caso do Bar das Américas, que disputa com o prato “Almondega das Américas”, que é uma porção de almondegas de frango recheadas com queijo. “A procura pelo nosso boteco aumentou desde o início do concurso, principalmente nos finais de semana. Estamos ficando mais conhecidos. A tendência é de que, neste início de mês e reta final do Comida di Buteco, tenhamos ainda mais procura pelo prato e votos também”, disse o proprietário Eduardo José Dias.

Na Baroa Rotisseria – que também participa da competição pela primeira vez,  a clientela aumentou mais de 20% segundo o proprietário Thiago Ferreira Rodrigues. E a maioria dos pedidos é do “Filé suíno no grau”, que disputa o título de melhor Comida di Buteco de Uberlândia em 2017. “É uma experiência muito boa, que está nos trazendo novos clientes. Estamos com bastante divulgação de muitas curtidas nas redes sociais. Nesses últimos dias, nossa expectativa é bem positiva, é de elevar ainda mais o volume de clientes. E estamos fazendo de tudo para estar entre os primeiros colocados”, afirmou.

Sobre o Comida di Buteco

O Comida di Buteco 2017 é um concurso que se consolida como uma das mais importantes plataformas de fomento, valorização e exposição do boteco e da cozinha brasileira. A competição completa 18 edições, mas em Uberlândia já são 10 anos consecutivos agradando a diversos paladares e mais uma vez está entre as 20 cidades e os mais de 500 concorrentes.

 

De Uberlândia, 15 bares concorrerão ao prêmio. O concurso vai até o dia 7 de maio. Os participantes serão avaliados pelo público e um corpo de jurados, que vão eleger o melhor boteco da cidade. Cada concorrente será avaliado em 4 categorias (petisco, atendimento, higiene e temperatura da bebida). O petisco leva 70% do peso da nota. O voto do público vale 50% do peso total e dos jurados 50%.

 

Haverá ainda a eleição do melhor do país, validada por outra comissão de jurados que não participou da primeira etapa. O vencedor leva a cidade e o boteco ao pódio da cozinha de raiz do Brasil.

 

Em 2016, o campeão foi Wellington Mussa, do bar Mussa Petisqueira, que competiu com o prato “Quibe Chiquetoso”, um quibe recheado com carne moída, requeijão e muçarela. O segundo lugar ficou com o “Bolinho de Arroz” do José Carlos de Medeiros, proprietário do bar do Carlinhos no Bairro Bom Jesus. Já o terceiro lugar foi para o bar do Bento Rodrigues, o Butekão, com o prato “Boi grelhado na chapa”.