Uma bolsa Chanel 2.55 é um investimento maior do que você imagina

1

Não tem como contestar: as bolsas são acessórios utilitários e práticos, que facilitam o dia a dia e também têm a capacidade de carregar tudo aquilo que você precisa para tocar a sua rotina sem problemas. Mas, além de tudo isso, algumas delas – entenda-se o icônico modelo 2.55 da Chanel – são verdadeiros investimentos.
Segundo o WhoWhatWear, a página Baghunter fez uma pesquisa sobre o preço das bolsas da marca dirigida por Karl Lagerfeld, focada na peça mais conhecida, e chegou a resultados, no mínimo, surpreendentes.
A 2.55, modelo mais popular da maison, subiu para impressionantes US$ 4,9 mil, mais de 20 vezes o preço que a bolsa tinha em 1955, quando poderia ser comprada por US$ 220. O maior aumento do preço aconteceu só nos últimos 6 anos, um total de 70%, já que, em 2010, o item poderia ser adquirido por US$ 2 850.
Para não haver dúvidas de que comprar uma bolsa Chanel é, realmente, um investimento, o tamanho desse acréscimo recente passou até mesmo a porcentagem de aumento no preço de compra de casas.

O lado bom é que quem já tem uma 2.55 para chamar de sua e tem planos de vende-la pode ter a certeza de um bom retorno. Agora se você ainda pensa em comprar uma, corra: no próximo ano espera-se que o valor ultrapasse os US$ 5 mil. 

você pode gostar também Mais do autor

Comentários estão fechados.