Pimenta Refresco 

737

Pimenta refresco
Ai, que preguiça nos dá pessoas que não retornam aos seus clientes, parceiros e fornecedores. O eterno, problemático, enfadonho e provinciano exercício dos pequenos poderes. Quase sempre isso acontece por que a pessoa em questão se envaidece da posição que ocupa e acaba esquecendo a verdadeira razão por que está ali. Se alguém é contratado para uma posição estratégica, na qual estará a serviço das pessoas que têm interlocução com aquela empresa que o contratou, o mínimo que se espera dela é que seja atento, prestativo e educado com as pessoas que o procuram. Mas, no geral, acontece quase sempre o contrário. Uma vez lá, e sem deixar que seus empregadores percebam, a pessoa torna-se esnobe, indiferente e mal educada com as pessoas que procuram a empresa por seu intermédio. Com isso, acabam indo pelo ralo boas oportunidades de negócios e parcerias. Mas, internamente, age como se fosse um poço de competência. E o marketing que deveria estar proporcionando para os seus contratantes transforma-se futilmente em marketing pessoal. Que preguiça desse provincianismo! Uberlândia já merece que suas empresas tenham interlocutores maduros, comprometidos e dispostos a uma interlocução inteligente.

You might also like More from author

Comments are closed.