Profissionais da saúde de todo Brasil concluem especialização em Medicina Integrativa em Uberlândia

96

Sob a coordenação da médica Clarissa Oliveira, 33 profissionais de todo o Brasil, entre médicos e dentistas, concluíram o curso de Especialização em Medicina Integrativa da Uniube em Uberlândia.

Com carga horária de 429 horas-aula, o curso, reconhecido pelo MEC, é dividido entre aulas teóricas e práticas, com objetivo de apoiar de maneira eficaz a relação médico-paciente, através de uma abordagem orientada pela busca da evolução favorável à saúde e não à doença.

Segundo a coordenadora, Dra. Clarissa Oliveira, desde 1978, a Organização Mundial de Saúde (OMS) vem incentivando mundialmente a integração de abordagens convencionais e complementares de forma coordenada e eficaz para promover a saúde global. “É uma prática que vem ganhando espaço nos consultórios médicos no mundo inteiro e entregando resultados muito eficazes do ponto de vista terapêutico. A medicina integrativa representa a evolução do pensamento médico e é um reflexo na área de saúde da expansão de consciência do ser humano no processo evolutivo atual. Desde 2016, o sonho de formar especialistas em Medicina Integrativa se tornou realidade e formar a quinta turma reforça que a jornada deve continuar”, pontua.

Com esse método, que engloba todas as especialidades médicas e disciplinas profissionais, assim como todo sistema de saúde, o bem-estar do paciente é prioridade. A Medicina Integrativa, explica Clarissa, comporta todas as especialidades médicas que hoje, estão se abrindo para a questão de individualizar o tratamento. “Agradeço a oportunidade de promover a saúde integral dos meus pacientes e também proporcionar aprendizado aos colegas que optam por esta jornada, através da pós- graduação. Estou muito orgulhosa e honrada de ter mais profissionais da saúde fazendo parte do mundo da Saúde Integral”, finaliza.

You might also like More from author

Comments are closed.